quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Se cuida Anjo de Luz


As manhãs eram floridas e eu nem mesmo precisava procurar vestígio de uma flor, como era doce, não tinha bala, mas era de uma doçura sem igual. Te querer, sonhar com você, aquilo me movia pra frente pra um lugar sem fim, pra um caminho onde eu queria me aprofundar mais e mais. E você? Eu não via defeito, é clichê dizer isso mas era o que era, você na sua bondade absurda dizia palavras admiradas por mim, tu eras interessante rapaz, ainda é creio eu, tu nasceste pra brilhar, não é bajulação não, é o que te digo, talvez nunca tenha escutado antes mas tenho certeza que ainda escutará. Teu futuro é grandioso, e eu nem preciso ser cartomante pra ver isso, é que quando a pessoa é boa mas boa por natureza, a gente sente. É mais fácil reconhecer alguém bom do que ruim né mesmo?
Então moço do olhar mais lindo, foi bom te conhecer, sorrio agora só por lembrar que aconteceu, que Deus quis que tu entraste na minha vida, limpou minha angústia, trazia sorte e sorrisos todo dia, trazia bobadeza pros meus atos, trazia você pra minha mente.
E durou? Não, eu sei que acabou, como um filme bom que sempre acaba, como o Titanic ou Romeu e Julieta que o romance teve um trágico fim. Mas sabe, aprendi contigo em grande parte a ver pra frente e nunca pra trás, ser otimista quando não se encontra luz, então te digo com quase total de certeza, que não é absoluta porque eu lamento sim e muito por ter te perdido mas entendi que eu fiz de tudo, eu fui EU, isso é tão difícil de ser com alguém nos dias de hoje.
E o que eu quero? Tanta coisa, mas aqui quero que tu sejas tu, somente tu, não se influencie por ninguém, porque só assim repito que tu irás brilhar como as estrelas. Sorte pra tí Anjo de Luz!





G. Araújo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário