sexta-feira, 20 de abril de 2012

Oi, eu voltei



O título já diz bastante, voltei gente,  como é bom, não voltei só pra esse blog, que a propósito, criei, postei pouco e abandonei a prantos, sim, sou decretada culpada, fiz como uma pessoa em um relacionamento qualquer, conhece outra, muda ela daqui, ensina ela dali, lhe mostra o seu mundo, se faz confiável e bãm, some, quando a outra já se sente completamente cativada, ta ai a frase lema da minha vida, vamos lá pequeno princípe ensine pra esse pessoal: Tu te tornas eternamente responsável por tudo aquilo que cativas! 
Um minuto para refletir, enfim não estou aqui para me culpar também, afinal todos erramos, lá vem o meu lado compreensivo, mas quando os outros erram esse lado costuma ficar tão pequeno...
Ter voltado me fez lembrar uma dessas lições de vida que a gente não deve esquecer "Não ouse desistir dos seus sonhos", pois é, eu voltei pra vida, desisti de sentir pena da minha situação, eu quero mudar, quero sentir é orgulho, isso sim é negócio bom de se sentir se sí próprio. 
Estou aqui, conquistando minhas medalhas, com honestidade, é claro, pensando antes de agir, e voltando pra esses sonhos que são parte de mim.
Me deseje sorte, vou precisar!

G.Araújo.



sexta-feira, 9 de março de 2012

Bendita sociedade



Enão é assim? A vida se baseia nas leis terríveis impostas injustamente pelo homem, temos que seguir padrões, regras absurdas, preconceituosas? Então essa é a tal Terra, onde as pessoas trocam o melhor sentimento por dinheiro, onde a cada segundo que passa uma criança chora por ter problemas que nem um adulto é capaz de suportar.
Não somos reis ou rainhas, somos irmãos, todos, sem exceção. O meu dinheiro não me faz melhor do que você, a minha roupa não diz como mereço ser tratada, minha aparência não reflete os meus atos, o meu passado não pesa o meu presente e me atormenta no futuro, os meus gostos são só meus, assim como a minha vida, isso sim é propriedade minha e eu posso me gabar por isso, tem presente melhor do que está vivo?
Sabe, todo mundo vê o que eu estou tentando dizer, todo mundo vê sofrimento, inevitável, afinal ele está escancarado em nossos rostos, mais presente que a santa felicidade. Mas o que me incomoda é ver também escancaradamente como somos sínicos, apagar com a borracha? Fingir não ser com você? Trocar de canal? Ou talvez absurdamente até concordar com essa sociedade. Acredite o ser humano é capaz de tudo. Eu não acreditava, é pra você vê, eu já tive os olhos verdes de esperança, “brincava com o leão” e como achava bonito, até o sangue pra mim era doce como o caldo da maça do amor. Mas eu cresci, me fizeram crescer e roubaram de mim tudo que eu mais zelava, e dos olhos verdes restou um castanho escuro quase preto, oco mas que no fundo esconde um caminho que nem eu mesma sei chegar.

G.Araújo.

terça-feira, 6 de março de 2012

Por que mulheres só querem saber de amor?


Eu sou uma mulher, e sem alternativa me encaixo nessa pergunta como uma porcentagem acredito eu que seja enorme. Pra mim falar de qualquer coisa não é tão fácil e tão natural como falar de amor, ele é como o prêmio do algodão doce. Desde que deixei de ser criança, olha que não faz tanto tempo, fiquei assim meio viciada no amor, romântica massacrada talvez, buscadora da paixão pode ser e até cupido já fui. Mas te digo mais, to precisando de um, se souber de um cupido de plantão me avise, por favor pago o que for pra ele acertar em cheio no coração daquele moço que me arrepia só de lembrar; está vendo, estou eu aqui já querendo colocar o amor como ator principal do meu filme dramático chamado Vida.
Que mulheres são melosas todo mundo sabe e os homens adoram colocar isso sublinhado, mas que culpa temos de adorarmos tudo que deriva do amor ou romantismo. Nenhuma. Somos verdadeiras e sabemos dar valor a coisa mais preciosa do mundo, o que dá sentido a vida e nos abre as portas pra felicidade mais prazerosa e sincera. 

G.Araújo.

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012



E agora o que sobrou do que eu mais zelava são sonhos de um passado que infelizmente não aconteceu, poderia ter sido diferente, eu poderia ter me doado mais, ter feito o impossível pra te ter, mas eu queria a perfeição, eu queria que o momento fosse único pra que tu não se esquecesses de mim, porque eu já sabia antes de te olhar nesses olhos ternos que era você que eu queria ficar perto quem sabe pra sempre, desculpe eternizar as coisas, mas não fica mais romântico e mais verdadeiro? E digo mais, se pra te ter eu precisasse inventar o pra sempre eu inventaria.
Mas acabou de uma forma nada planejada, talvez tenha só começado, torço que sim, eu vi você, você me viu, foi como se um espelho estivesse se quebrado e agora era só realidade, repito a dura e triste realidade, ao teu lado tinha uma alma feminina, que segurava tua mão, como nos meus sonhos eu imaginei segurar, te olhava com ternura creio eu ou só admirava tua beleza que é impossível de não se admirar. Tu correspondia os atos dela, talvez com menos intensidade mas correspondia. Ali ela era tua, e tu era dela, e eu? Eu era nada, eu não respirava, sentia ou chorava; eu era o susto e a dor da perda misturados sem reação alguma, eu sentia vontade de correr te dá um abraço, mas com ela ali nem se eu fosse invisível, ela era como uma muralha que te impedia de mim, talvez ela fosse tua guardiã e eu o monstro que queria te ferir com o amor mais impuro.

G.Araújo.

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012


São tantas pessoas, elas vem, sempre vem, nunca param de vir, assim como nunca param de ir, não me lembraria o nome de cada ser que já entrou na minha vida, mas os que machucaram, ah esses ficam sublinhados no coração com tinta preta que representa todo sofrimento.
Sabe o que eu mais queria agora? Que aquela pessoa voltasse, dizesse que foi um erro ter partido sem se despedir, que pegasse no meu rosto com delicadeza e soltasse um ' você não mudou nada ', será que é possível?
Aprendi bem cedo que crer só não basta, precisamos agir, perder? Faz parte do jogo, se arriscar é um caminho pra vitória, acho que não vou esperar você voltar, vou te buscar. Falta coragem, sempre falta quando o assunto sou eu, mas sobra angústia, e eu preciso me livrar disso.
Anjo eu estou criando asas pra te ter! Me espereee!

G.Araújo.

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

E hoje eu decidi sorrir, mesmo que não haja motivo qualquer, mesmo que esteja sendo difícil, até sufocante, mas eu vou aguentar, como já aguentei coisas piores, minha força é ilimitada e eu sou só mas sou muito.

 O que eles querem? Que eu chore, ligue pra qualquer implicância com minha aparência julgada por eles. Que eu sofra a noite pensando no quão errada sou, que eu pense que a vida não vale a pena, que todos podem e conseguem menos eu.

O que eles vão ter? Uma pessoa que já cansou de engolir "sapos", que vai revidar se você pisar no pé dela, uma mal educada talvez, mas justa, porque essa pessoa se ama, e não vai deixar ninguém nem mesmo você lhe botar pra baixo. 'Sorry' mas vão ter que me engolir!

Se cuida Anjo de Luz


As manhãs eram floridas e eu nem mesmo precisava procurar vestígio de uma flor, como era doce, não tinha bala, mas era de uma doçura sem igual. Te querer, sonhar com você, aquilo me movia pra frente pra um lugar sem fim, pra um caminho onde eu queria me aprofundar mais e mais. E você? Eu não via defeito, é clichê dizer isso mas era o que era, você na sua bondade absurda dizia palavras admiradas por mim, tu eras interessante rapaz, ainda é creio eu, tu nasceste pra brilhar, não é bajulação não, é o que te digo, talvez nunca tenha escutado antes mas tenho certeza que ainda escutará. Teu futuro é grandioso, e eu nem preciso ser cartomante pra ver isso, é que quando a pessoa é boa mas boa por natureza, a gente sente. É mais fácil reconhecer alguém bom do que ruim né mesmo?
Então moço do olhar mais lindo, foi bom te conhecer, sorrio agora só por lembrar que aconteceu, que Deus quis que tu entraste na minha vida, limpou minha angústia, trazia sorte e sorrisos todo dia, trazia bobadeza pros meus atos, trazia você pra minha mente.
E durou? Não, eu sei que acabou, como um filme bom que sempre acaba, como o Titanic ou Romeu e Julieta que o romance teve um trágico fim. Mas sabe, aprendi contigo em grande parte a ver pra frente e nunca pra trás, ser otimista quando não se encontra luz, então te digo com quase total de certeza, que não é absoluta porque eu lamento sim e muito por ter te perdido mas entendi que eu fiz de tudo, eu fui EU, isso é tão difícil de ser com alguém nos dias de hoje.
E o que eu quero? Tanta coisa, mas aqui quero que tu sejas tu, somente tu, não se influencie por ninguém, porque só assim repito que tu irás brilhar como as estrelas. Sorte pra tí Anjo de Luz!





G. Araújo.

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012


Por mais que a vida tenha me mostrado que o amor quase sempre não é um amor de pessoa, eu ainda prefiro escolher um romance, tanto pra assistir, ler ou quem sabe viver.

G.Araújo.

Sonhei com você, éramos tão íntimos, a ponto d'eu poder pegar tua mão sem você me olhar com receio. Tu sorrias pra mim, por qualquer coisa boba que eu falasse, como foi bom, chegou a beijar minha testa, eu juro ter sentido teus lábios, aquela maciez que só eles tem.
Naqueles instantes mágicos, consegui cuidar de tí, como eu sempre quis. Alisei teu cabelo cor de sol, era tanto amor sabe? Ainda é, confesso. Mas era amor limpo, amor vivo e sorridente, porque eu tinha o teu. Eu tinha tua alma, ela chamava meu nome, ela brincava com a minha.

G.Araújo.

Falem por mim o que eu sinto agora...

"O que tem de ser tem muita força.
 Ninguém precisa se assustar com a distância,
 os afastamentos que acontecem.
 Tudo volta! E voltam mais bonitas, 
mais maduras, voltam quando têm de voltar, 
voltam quando é pra ser. 
Acontece que entre o "ainda não é hora" 
e "nossa hora chegou", muita gente se perde
. Não se perca viu?"
[Caio Fernando Abreu]

"Sei que um dia vai lembrar o tanto que eu te quis,
eu sei você vai ver. Mas eu tenho que aceitar
viver sem teu olhar. Não posso resistir.
Vem pra perto de mim, faz o tempo parar, faz
tudo acontecer. Vou te fazer carinhos até o
amanhecer. Te espero no farol pra ver o sol
se pôr...fazer declaração de amor."

[Rapazzola- Te espero no farol -
composição: Junior Senna]
 

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Estrelinha fala pra mim!



Me lembro bem quando pequena ficava admirando as estrelas, sorrindo só em olhá-las, elas eram como amigas, juro que as ouvia conversar, as mais tristes brilhavam menos, essas tinham minha atenção maior, precisa cuidar delas, aconselhá-las. As vezes nomeava algumas, mas logo esquecia dos nomes, elas não eram simples astros luminosos, não mesmo, pra mim tinham vida própria. Lembro me também do dia em que vi minha primeira e única estrela cadente, foi inesperado e único. Logo me agitei e sorri por ver passar tão rápido e desaparecer em instantes. Fiz um desejo como manda o figurino e até adormecer fiquei feliz em ter visto a minha estrela cadente. Como é engraçado, hoje percebo que o que me fazia feliz eram coisas tão simples e aparentemente tão bobas, sinto falta desse jeito de achar felicidade em tudo, de levar a vida "numa boa", sem stress, sem problemas prolongados, sem medo do amanhã, vivendo o hoje, o agora, brincando, correndo, mas principalmente sonhando.

G.Araújo.

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

É velho

Lembrar de ti me traz lágrimas
Não de tristeza, mas de uma saudade eterna
Queeria ter me despedido melhor
Ter te falado meia dúzia de palavras que fosse
Ter te abraçado, como aquela vez...
Não me lembro de quando o abracei.

Então aqui estou, escrevendo com a certeza que tu lerás
Agora me lembrei, não sabias ler
Pede pra um anjo, não sei, alguém ai ler pra tí, por favor

É velho, eu neste mundo pra lá de perdido e você ai
Agora me sinto sozinha
Tu sempre foi meu protetor.

É velho, fico aqui com as lembranças
Das histórias inventadas que tu contava
Das tuas idéias de “girino”
Do doce de amendoim que tu trazia pros netos
Como aquilo era bom...
Descobri isso depois que perdi
Eu sei, é sempre assim

É velho, tu eras um homem bom
Simples, honesto e lutador
Mas como era cabeça dura e teimoso
Só quem conhecia sabia bem...
Nunca te falei que o admirava não é?

Então velho, é bem isso que queria te falar
Ah, eu ainda lembro da tua voz
Vai fazer um ano, mas tenho certeza que nunca vou esquecer
Não só da voz, mas de você!


G.Araújo.
Que o nosso amor seja nosso e de mais ninguém!

Esse tal do amor


Chega a ser triste, pois é, o amor na maioria das vezes não é como os dos filmes. O amor corrói, destrói, machuca e faz muito chorar. Então por que a gente ama? Isso nem ao certo sei dizer, creio que como tudo que é compensador na vida é difícil. Igualmente ao amor. Amar não é coisa pra armadores, por isso geralmente carregamos o peso de outras paixões como feridas, fazendo com que desacreditemos no amor.
Mas que nada, se um romance não der certo pense assim: "Foi uma ótima experiência, aprendi com o sofrimento. No próximo estarei mais forte e tentarei fazer diferente."
Falando assim parece simples não é?
Não, não é, o amor nunca curtiu muito a simplicidade, por isso nunca foi pouco, básico, calmo. 
Olha só quem vocês estão 'ouvindo', alguém que já leu milhares de definições do amor mas nunca achou uma totalmente verdade ou totalmente mentira. Uma moça que ama a simplicidade e por isso não ama tanto o amor por ele ser contrário. Uma cidadã de pouca idade porém já carrega muitas histórias de amor, que ela nem poem a mão no fogo pra confirmar ser amor, porque acabaram tão tristes, e algumas sem explicação. E ela como toda menina "clinclê", acredita que o amor é a coisa mais poderosa do mundo.

G.Araújo.

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012


Te olhando assim
Sinto vontade de dizer-te mil palavras
Que não me cabem o direito

Como és belo, como és fascinante
Jamais encontrará homem igual
Virei tua  fã, admiradora
Encantada com teus dizeres
Perplexada com teus atos

Seria pedir de mais que fosses só meu
Que sortuda seria
A dona felicidade não me abandonarias
Prometo que te amarias! Ah como te amarias!


G.Araújo.
Vivendo e aprendendo a pagar micos!

Só mais uma mulher traida


Toda noite ao alento do silêncio
Ela pensa na traição
Quando ele não está em casa
E até mesmo quando ao seu lado ele marca presença.


Aprenderá a ser forte como as deusas antigas
Aprenderá a ver o amor que ele dizia ter por ela
se despedaçando como rosa seca
Aprenderá a ficar calada
Quando o que mais queria era gritar.


Por fora concreta, sóbria
Por dentro não tinha vida, não mais


Pensa as vezes que a culpa era sua
Não teve filhos, talvez se tivesse...
Seria uma família feliz?
Aquilo soava tão sarcástico


Quando soube se descabelou
Quebrou um vazo, talvez dois
Mas tinha medo de dizer que sabia
Tanto pra ele, quanto pra qualquer outra pessoa
Se sentia autora de um torturoso crime
Não podia contar a ninguém
Coitada, era a própria e única vítima
Não sabia.

G.Araújo.

domingo, 15 de janeiro de 2012

Perdida nessa madrugada, 01:22 de plena segunda, perdida não, me encontrando na verdade, nos tesouros do Caio Fernando de Abreu, e você sabia que ler ele me faz pensar em você, te encaixo nos textos, te dedico as declarações mais sinceras. Porque eu sei que você não é um simples amor, você um amor daqueles antigos, de vidas quem sabe, daqueles de teatro. Melhor amor não, porque amor rima com dor. É um ternuroso romance, porque assim sinto que atrai melhor você pra mim.


G.Araújo.

Quando a "barra estiver pesada", pare, pense, já joguei este jogo eu já passei por níveis mais fortes e venci.

G.Araújo.

Quando amamos ficamos assim... Querendo entender o verdadeiro sentido da vida, sem perceber já sabemos, pois ele nada mais é que o famoso "amor".

G.Araújo.

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Ahh é verão


Traz as penras a mostra
Todos ficam mais livres, despreocupados
Cada verão é único
Traz Histórias saborosas para contar
Mas o que não muda é a beleza
Estação da cor, da flor, do calor
Esse é o esperado verão.

G.Araújo.
Se valorize!
O mundo é incrivelmente lindo, o que estraga são as pessoas, elas sim fazem ele não ser.

G.Araújo.

Olha rapaz faz tempo que nao fico animada assim...
Tempo não, na verdade nunca estive tanto
Minha vontade é correr ai pra te dá um abraço de urso
Sentir teu cheiro, aposto que o guardarei para sempre.

Pra você, dedico meu sorriso de menina
Quem sabe tu não se agrada tanto e me da outro abraço
Nós podemos ficar assim... 
Rindo e se abraçando ou se abraçando e rindo
Por mim tanto faz, por mim já é bom de mais.

G.Araújo.

Hoje vejo que o amor é muitas coisas, não só um sentimento
Amar é conquistar todo dia
Amar é mostrar quem tu és, por fora e por dentro
Amar é cuidar e não prender
Amar é sentir um medo de muitas coisas bobas
Amar é enfrentar os medos
E ainda assim ao anoitecer ver que o amor vence tudo.

G.Araújo.

Ele inovou o modo de ver a vida, textos que tocam a alma, que fazem chorar; parece mágia mas não é, o responsável disso tudo é um homem, Caio Fernando de Abreu.
Não o conheci, verdade, mas sinto que o conhecesse, e tenha chegado bem perto de sua alma que iluminava talento, deixou pra esse mundo o maior tesouro possível, suas palavras, que hoje são conhecidas por qualquer um e são a febre das rede sociais.
Caio morreu no ano em que nasci, portador de aids, e até hoje quando meu "mundo gira" peço ajuda a suas obras, elas são um calmante, uma terapia gostosa; tenho certeza que ele havia ter uma aurea incrível, viveu intensamente como seus textos relatam que a vida deve ser, amou sofreu, mas ainda assim via beleza nos olhares, nas flores, enfim na vida.
Muito obrigada "mestre". :)

G.Araújo

Falávamos como se nos conhecêssemos há anos. Há vidas quem sabe...

Caio Fernando Abreu.


E minha alma, sem luz nem tenda,
passa errante, na noite má,
à procura de quem me entenda
e de quem me consolará...

Cecilia Meireles
Aprendi com as Primaveras a me deixar cortar para poder voltar sempre inteira.

Cecilia Meireles
O amor é pra lá de bom, mas a gente tem um medo danado de senti-lo, mas quando é correspondido é melhor que tudo e não se compara a nada.

G.Araújo.

Uma regrinha só gente

Comecei a seguir aquela regrinha: Não faça com os outros o que você não quer que façam com você! Não é que está dando certo? A gente colhe o que planta rapaz...

G.Araújo.

Não tem desculpa! Nimguém pode buscar ou trazer tua felicidade, só ti és capaz.
G.Araújo.

terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Se eu fosse só felicidade já teria vomitado enjoada de tanto colorido, doçura e gente fazendo o que eu quero. Por isso prefiro sofrer, é mais verdadeiro é até mais fácil.

G.A.

Foi ai que eu entendi que eu não precisava ser a mais atraente, não precisa ter uma história bonita, nem ter a mesma idade que ele, não precisa ser nada que eu já não era, porque ele era e é a minha metade e só isso já nos une sem alguma explicação.

G.Araújo.

domingo, 1 de janeiro de 2012

Venha cá, ANJO DE LUZ, e faça com que cada dor

causada por mentiras infames, seja curada com

toneladas e toneladas de amor.

E resolveu que, daquele dia em diante, ela iria sorrir pra sempre. E que iria amar mais também, mais e melhor. Que iria perdoar rápido, tocar muitas vidas com as mãos. Iria usar um manto de orações bonitas como proteção. E falar palavras boas e rimar amor com qualquer outra coisa que não fosse dor

- Chão de Estrelas, por: Cris Carvalho

Primeiro dia do ano


Chuva, acordei já estava assim, penso que é pra lavar toda tristeza de 2011, a cada pingo um choro derramado indo embora pra não mais voltar. A gente quer tudo diferente, a gente tem esperança, tem sonhos na alma, tem vida pra todo lado, a gente quer esquecer os erros, e acertar, em cheio a partir de agora!
Primeiro dia do ano, vem de mansinho mas cheio de promessas, que serão cumpridas, afinal não é só o ano que é novo, mas a gente também, se quisermos podemos nascer de novo, vamos ter , porque ela move o mundo.

Gabi Araújo